4.382 relógios para "

Rolex Day-Date / President

"
Marca
Modelo
Preço
Diâmetro
Ano
Localização
Leia mais
Your selection

Your selection

Your selection

Sorry, your search did not match any items
Your selection

Sorry, your search did not match any items
Your selection

Sorry, your search did not match any items
Basic information
Tipo de relógio
Referência
Leia mais ...
Novo/usado
Disponibilidade
Sexo
Estado
Leia mais ...
Âmbito de fornecimento
Characteristics & functions
Corda
Material da caixa
Leia mais ...
Mostrador
Leia mais ...
Vidro
Leia mais ...
Funções
Leia mais ...
Altura
Leia mais ...
Material besel
Leia mais ...
Números do mostrador
Impermeável
Leia mais ...
Outro
Leia mais ...
Bracelete
Material da bracelete
Leia mais ...
Largura
Leia mais ...
Cor da bracelete
Leia mais ...
Material do fecho
Leia mais ...
Cancelar

Ordenar por

Rolex Day-Date yellow gold Bark sigma 1807 Rolex Day-Date yellow gold Bark sigma 1807 IT 30 2009 R$ 35.815

Rolex Day-Date: Relógio de Presidentes

O Rolex Day-Date é o relógio dos líderes. Foi o primeiro relógio com a indicação do dia e da data por extenso, e é fabricado exclusivamente em materiais nobres como o ouro ou a platina. O presidente Lyndon B. Johnson usava um "Rolex Presidencial".

Destaques do Rolex Day-Date

  • Primeiro relógio de pulso automático com indicação do dia e da data por extenso
  • Disponível exclusivamente em materiais nobres como o ouro de 18 quilates ou a platina
  • O relógio dos chefes de estado: John F. Kennedy, Fidel Castro
  • Inconfundível bracelete President de três elos
  • Calibre 3255: mecanismo mecânico de nova geração

Um relógio que exala status

Lançado em 1956, o Rolex Day-Date foi o primeiro relógio de pulso a indicar a data e o dia da semana por extenso numa janela do mostrador. A manufactura suíça foi, mais uma vez, pioneira da relojoaria com o desenvolvimento desta peça. Este é um relógio de luxo no verdadeiro sentido da palavra, disponível unicamente em materiais preciosos, como o ouro de 18 quilates ou a platina. A inconfundível bracelete President, criada especialmente para este modelo, é dotada de três fileiras com elos arredondados. Todos os outros modelos possuem uma bracelete metálica com três fileiras de elos planos — a chamada bracelete Oyster. É o caso dos modelos Daytona, Oyster Perpetual e Submariner.
O relógio que ficou conhecido como o "Relógio de Presidentes" não só é o preferido de líderes mundiais, como também de personalidades influentes nos negócios, ou mesmo de atores e gurus espirituais. Os presidentes norte-americanos Franklin D. Roosevelt e Lyndon B. Johnson ou o Papa João Paulo II usavam um Day-Date. Era também o preferido do investidor Warren Buffet, uma das pessoas mais ricas do mundo. Um Day-Date de ouro tem uma história particularmente inusitada para contar: alegadamente, a atriz Marilyn Monroe ofereceu como presente de aniversário ao seu amante John F. Kennedy um Day-Date com a gravação: "Jack, com amor sempre, Marilyn, 29 de maio de 1962". Segundo consta, Kennedy deu instruções a um de seus assessores para que se "livrasse dele". Existem inúmeras controvérsias sobre este Rolex. Do que não resta dúvida é que esta história contribuiu para que o relógio se tornasse uma lenda.

Design e materiais de luxo

Se procura um modelo de prestígio com o qual possa estar à altura das mais influentes personalidades da sociedade, o Day-Date é a peça mais que perfeita. Historicamente, este foi sempre o relógio de personalidades influentes da política e dos negócios. A elegância e exclusividade do "relógio dos presidentes” é garantida por materiais preciosos como o ouro de 18 quilates ou a platina. Este modelo encontra-se usado e em bom estado de conservação a partir dos 4.000 euros. Os relógios de ouro (sem uso) rondam os 10.000 euros e as versões em platina os 30.000 euros. Os modelos de platina usados têm um interessante preço a partir dos 20.000 euros.

Sugestões para a compra de um Rolex Day-Date

  • Exemplares usados e em bom estado a partir de 4.000 euros
  • Relógios de ouro não usados a partir de 10.000 euros, modelos em platina a partir de 30.000 euros
  • Bracelete de três elos exclusiva do Day-Date
  • Cobiçado modelo Vintage: Rolex ref.ª 18038 (a partir de cerca de 7.000 euros)

Modelos idênticos de outras marcas

Design e materiais de luxo

A caixa e a bracelete a condizer são fabricadas unicamente em materiais preciosos, como o ouro amarelo, o ouro branco, a platina, ou o ouro rosa da Rolex, que dá pelo nome de Everose (uma liga especial exclusiva da marca). Inclusive os marcadores do mostrador são em ouro de 18 quilates, evitando a oxidação com o passar dos anos. Os mostradores são fabricados à mão nas próprias instalações da Rolex. Estão disponíveis numa grande variedade de cores, desde o verde, ao antracite ou ao azul glacial. Os mostradores em madrepérola são particularmente vistosos. Alguns modelos possuem índices feitos de diamantes. A luneta pode ser canelada ou lisa. A variante canelada existe desde 1956 — ano em que o modelo foi lançado. Já a lisa foi introduzida no ano de 2000, e rodeia o vidro de safira nos modelos em platina. A caixa está disponível em 36 mm, 40 mm ou 41 mm. Este último diâmetro está disponível apenas na versão Day-Date II.
Um dos relógios vintage mais procurados pelos colecionadores é o modelo com a referência 18038. Este Day-Date dos anos 70 e 80 distingue-se pelo seu lendário mostrador alcunhado de "Stella", que se caracteriza pelas suas cores luminosas, numa paleta que engloba o branco, o amarelo, o azul, o laranja, o rosa, o turquesa, o castanho, o salmão ou ainda o preto. Ao contrário dos mostradores em esmalte, decoração que se obtém por meio de cozedura no forno, o efeito cromático do mostrador "Stella" é obtido através de uma espécie de lacado. Existem duas teorias sobre a origem do nome destes mostradores: uma afirma que foi inspirado nas obras coloridas do pintor norte-americano Frank Stella; segundo a outra, o termo advém da palavra latina stella, que significa luminosidade e brilho.

Técnica de vanguarda

O primeiro Day-Date com a referência 6511 vinha equipado com o calibre automático 1030. O disco dos dias e da semana girava sobre o anel da data. As sete pequenas janelas estavam posicionadas sobre o mostrador às 12 horas de maneira a permitir a visualização do dia da semana por extenso e da data correspondente. O modelo apresentava ainda uma lupa denominada de Cyclops colocada sobre o vidro, com o propósito de melhorar a legibilidade da data posicionada às 3 horas. Atualmente, este modelo oferece a indicação da data em mais de 25 idiomas.
O modelo com o número de referência 6611, do ano 1957, alberga o calibre 1055, no qual foi melhorado o mecanismo de indicação da data. Com efeito, as primeiras versões do Day-Date apresentavam alterações na precisão com a mudança da data. Este problema foi ultrapassado com a nova geração de calibres.
Na década de 70, a Rolex voltou a inovar. Em 1972, a marca equipou todos os relógios com o calibre 1556, o qual dispunha de uma função de stop-seconds para maior precisão no ajuste da hora. No final dessa década, a Rolex introduziu o ajuste rápido da data através da coroa. Para acertar o dia e a data bastava puxá-la até metade. Esta inovação concedeu um toque de exclusividade ao Day-Date.

“Up-to-date” com o calibre 3255

A partir de 2015, o Rolex Day-Date passou a vir equipado com o calibre 3255, um movimento de nova geração com 14 patentes que garante um desempenho superlativo, uma vez que mais de 90% dos seus componentes foram melhorados. Entre eles, destacamos a nova ergonomia do tambor, cujas paredes sofreram uma redução de 50% para aumentar a capacidade da mola, assim como o aumento da reserva de corda do movimento para 70 horas, graças ao escape Chronergy desenvolvido pela manufactura. Desta maneira, o relógio funciona na perfeição durante um fim de semana inteiro, e inclusive na segunda-feira continua a indicar a hora correta. O escape Chronergy é uma versão otimizada do escape de âncora suíço fabricado numa liga de níquel-fósforo, para garantir a sua imunidade aos efeitos nocivos dos campos magnéticos. A Rolex afirma que esta solução permitiu ampliar o rendimento do escape em 15%.
O poderoso calibre bate à frequência de 28.800 alternâncias por hora. A peça essencial aqui é a espiral Parachrom azul, fabricada numa liga exclusiva de nióbio e de zircónio. Tal como o escape, também a espiral é resistente aos campos magnéticos. Além disso, quando comparada às espirais convencionais, esta oferece uma melhor resistência aos choques e um maior rendimento. É ainda dotada de uma terminal curva Breguet que aumenta notavelmente a sua precisão, e de um balanço equipado com quatro parafusos Microstella em ouro, que permitem um ajuste de extrema precisão. O calibre é certificado pela COSC e pela própria Rolex, cujos testes consistem numa simulação em condições reais. Segundo a própria manufactura, estes são duas vezes mais rigorosos do que os da certificação oficial.

Principais características técnicas

  • Calibre 3255 certificado pela COSC e pela própria Rolex introduzido em 2015
  • Reserva de corda de 70 horas
  • Novo sistema de escape Chronergy patenteado pela Rolex construído em níquel-fósforo, um material que não é sensível à interferência de campos magnéticos
  • Espiral patenteada Parachrom com curva terminal Breguet

Grau Superlativo Absoluto

O "relógio dos presidentes" personifica requinte, prestígio e poder. É por isso que este instrumento do tempo cativou, e continua a cativar, as mais influentes personalidades, tanto do mundo da política como da economia. No universo da alta relojoaria, a Rolex é uma das mais importantes manufacturas do mundo, cuja política de continuidade torna os seus produtos num investimento seguro. As peças da Rolex são por isso objetos de coleção muito cobiçados — e não só por famosos e chefes de estado.